Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Projeto Jovens Talentos
Início do conteúdo da página

Projeto Jovens Talentos

Acessos: 106

Parceria Instituto Militar de Engenharia e Colégio Militar do Rio de Janeiro

imagem sem descrição.

O Projeto Pedagógico do Sistema Colégio Militar do Brasil (PP/SCMB) prima por uma educação básica que engloba todas as dimensões do ser humano (afetiva, cognitiva, física e social), para que ele interaja com o mundo de forma plena. Dentro desse princípio, o ensino pauta-se não só na produção e disseminação do conhecimento, como também na interação social e, para tanto, seu grande desafio continua sendo o da busca de novas metodologias para atender às demandas sociais, na sala de aula e extramuros escolares, visando à formação de jovens, providos de competências e habilidades, que os capacitem a se tornarem ativos, criativos, autônomos, atuantes e transformadores da sociedade.

Nessa perspectiva de ensino, os CM realizam, anualmente, as Feiras de Ciências, por meio da qual os alunos já se preparam para a iniciação científica, sob a orientação de seus professores, nas diversas áreas do conhecimento, desenvolvendo trabalhos de pesquisa acadêmica, inclusive na área de Ciência Tecnológica. Desses, o melhor de cada CM é selecionado para ser apresentado e divulgado no Desafio Global do Conhecimento (DGC) – evento de culminância dos CM, realizado no Colégio Militar de Brasília (CMB). No ano de 2017, o II DGC contou com a participação de cerca de quatrocentos alunos do Ensino Médio do SCMB, oriundos de treze cidades sede (Manaus, Belém, Fortaleza, Recife, Salvador, Brasília, Campo Grande, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Juiz de Fora, Curitiba, Porto Alegre e Santa Maria).

Dentre os principais objetivos do DGC, os que se busca desenvolver na Feira da Cultura do SCMB são: estimular a atividade extraclasse como indutora do melhor rendimento escolar; incentivar os jovens alunos por meio da atividade científica e cultural e aprimorar processos de inovação e dinamismo para agregar valor ao efeito escola no SCMB.

Alinhando-se a esses objetivos, às metas do PP/SCMB e às orientações do Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército (DECEx), o Diretor de Educação Preparatória e Assistencial (DEPA) vem trabalhando no sentido de firmar parcerias e/ou convênios entre o SCMB e Instituições de Ensino – Militares e Civis, públicas e privadas – visando a melhor formar os alunos, prepará-los para a vida e dar visibilidade ao potencial desses alunos.

    O II DGC veio ao encontro desses propósitos, ao propor para esse evento o tema transversal “Inclusão e Acessibilidade”. Dividido em cinco atividades distintas (Feira de Ciências, Feira de Robótica, Olimpíada de Matemática, Quiz e uma simulação de órgãos das nações unidas, denominado Mundo CM), os trabalhos produzidos pelos alunos dos treze CM abarcavam as quatro grandes Áreas do Conhecimento – Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e Sociais Aplicadas. Os melhores trabalhos foram selecionados para serem apresentados, no II DGC, nas atividades da Feira de Ciências e da Feira de Robótica, além de haverem alunos participando também da atividade Olimpíada de Matemática.

 No que tange à Feira de Ciências, os trabalhos elaborados pelos CM tinham a limitação de haver apenas três componentes, e os avaliadores desses trabalhos foram onze representantes de Instituições Públicas e Privadas, em sua maioria professores, sendo apenas um deles militar do SCMB. Os trabalhos apresentados pelos CM na Feira de Ciências do SCMB abordavam os seguintes assuntos:

COLÉGIO

ASSUNTOS

CMM

Projeto Iluminar – autonomia para deficientes visuais e intelectuais

CMBel

Consciência e Tecnologia para Inclusão no CMBel

CMF

Bethoven 2.0 – Inclusão educacional

CMR

Educação Física no processo de inclusão

CMS

Dispositivo de orientação e auxílio visual

CMB

Aplicativo para uma educação moderna

CMCG

Informar para incluir - Aplicativo

CMBH

Ouvir e sentir estrelas

CMJF

Geografia para todos os sentidos

CMRJ

Mapa tátil para inclusão

CMC

Relógio para deficientes visuais

CMPA

Inclusão no ambiente escolar – explorando realidades

CMSM

Áudio aulas no Moodle como estratégia de inclusão

 

A Feira de Ciências do SCMB foi contemplada com duas vagas (uma para a atividade da Feira de Ciências e outra para a da Feira de Robótica) para exposição dos projetos finalistas na FEBRACE, ocorrida em março de 2018, na USP, com a exigência de que os trabalhos fossem apresentados no formato estabelecido pelos parâmetros da USP. Os trabalhos desenvolvidos pelos CM para serem selecionados para a FEBRACE foram os seguintes:

COLÉGIO

ASSUNTOS

CMM

Selva: Sistema Eletrônico de Localização Veicular Autônomo

CMBel

Brasil Robótica e Tátil

CMF

Projeto Civitas – Cadeira Autopropulsada

CMR

Transcritor de voz via Bluetooth

CMS

Uma mão amiga para os aprendizes da Química

CMB

Sistema de Aprendizado, Avaliação e Escrita Braile

CMCG

STAND UP Chair

CMBH

Tecnologia assistida, a bengala robótica

CMJF

Videoaulas inclusivas: uma proposta de inclusão para deficientes auditivos

CMRJ

CMOVA – Cadeira Motorizada de Movimento por Arduíno

CMC

Dispositivo localizador para apoio a pessoas com deficiência visual

CMPA

Ultrassom: um novo olhar sobre a inclusão

CMSM

TETRABÔ, Tecnologia a favor da inclusão

 

Os trabalhos vencedores que participaram dessa apresentação foram os do CMJF – 1º Lugar na Feira de Ciência e o do CMM – 1º Lugar na Feira de Robótica. 

Na categoria Olimpíada de Matemática, o SCMB, em parceria com o IME, montou uma competição (questões temáticas – nível 1º ano/EM e de análise combinatória – e correção dirigida), nos moldes da OBMEP, com uma equipe composta por um Oficial e quatro alunos do IME com Know-how nessa área. Cabe ressaltar que dois desses alunos da equipe de montagem das questões foram alunos do CMRJ e do CMBH e participantes da OBM e da OBMEP, em nível nacional e internacional.

Mantendo a coerência com essas propostas, o IME desenvolve o “Projeto IME Portas Abertas” (para o público externo – militares e civis), no intuito de despertar o interesse de jovens para a iniciação à pesquisa científica, o que proporcionou à Diretoria dar continuidade ao desenvolvimento desses jovens talentos nas diversas áreas da Ciência Tecnológica. Para tanto, o Instituto convidou o SCMB, no ano de 2017, para participar da sua XVIII Semana de Tecnologia e Feira de Ciências dos Colégios Militares, que ocorreu no período de 17 a 19 de outubro de 2017, com o objetivo de estimular os alunos do ensino médio na participação do evento, como pesquisadores representantes do SCMB. O tema da Feira foi “A Matemática está em tudo!” e o evento contou com a participação do CMRJ, CMJF, CMBH, CMF e da Fundação Osório (FO), para apresentação de seus trabalhos de pesquisa e para visitação ao evento.

Abaixo está listado o tema de cada trabalho apresentado e os respectivos CM.

 

CM

TEMA

ANO ESCOLAR

 

CMRJ

Mapa Tátil e Inclusão no SCMB

 

Alunos do 9º EF e

 1º e 2º ano do EM

Robô hidráulico

Simulação de Nitrogênio

Eletrólise

CMJF

O maravilhoso mundo da simetria

9º ano EF

CMBH

Bengala Robótica – Tecnologia Assistiva

EM (1º, 2º e 3º anos)

CMF

Melhor locomoção para deficientes visuais

9º ano EF

 

Por conta dessa aproximação, os alunos dos CM e da FO realizaram uma visita pedagógica ao Clube de Informática do IME (Robótica, Rede, Programação e Noções Básicas de Informática) e tiveram a oportunidade de conhecer o processo de formação de uma atividade laboral de Oficiais-alunos e pesquisadores civis e militares, tanto na área da Tecnologia Militar, quanto na sua trajetória funcional.

Essa visita teve como fruto também o incentivo aos discentes por essa área do conhecimento, além de despertá-los para outra área da carreira militar (pouco conhecida deles), na medida em que eles puderam vislumbrar uma futura atuação como Tecnólogo Militar. Aproveitou-se, ainda, para motivá-los na permanência do estudo das diversas áreas relacionadas à Ciência Tecnológica (Matemática, Física, Química, Robótica), pois eles tiveram a possibilidade de conhecer outras instalações do Instituto ligadas às áreas de Eletrônica, Mecatrônica e Aeroespacial.

Vinculado aos Programas de Pesquisa do CNPQ, o IME já desenvolve o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI), para os alunos dos Cursos de Engenharia Militar. Fruto dessa aproximação com os CM, o Instituto iniciou o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica para o Ensino Médio (PIBIC-EM), visando a seleção de candidatos às bolsas de Iniciação Científica, para vigência 2018/2019, e proporcionar uma maior interação entre os discentes desses Estabelecimentos de Ensino. Alinhada à concepção de ensino da Força e, consequentemente, do SCMB, esse Programa tem como finalidade despertar a vocação científica e incentivar talentos potenciais entre os estudantes do EM dos CM, mais especificamente, os do Colégio Militar do Rio de Janeiro (CMRJ), mediante a participação deles em atividades de pesquisa científica e tecnológica, orientadas por pesquisador qualificado, em laboratórios e grupos de pesquisa do IME.

De acordo com o edital fixado pelo IME/CNPq, para esse Programa, foram concedidas 07 (sete) bolsas pelo CNPq, para o PIBIC-EM, no valor de R$ 100,00 para cada bolsista, por um período de 12 (doze) meses (agosto de 2018 a julho de 2019). Cabe destacar que o IME solicitou ao CNPq a concessão de 20 (vinte) bolsas, o que eventualmente poderá acontecer à medida que o CMRJ apresente novas propostas de projeto de pesquisa.

Os projetos selecionados para bolsa do CNPq estão listados, por ordem de prioridade de escolha, com os seguintes títulos:

 

TÍTULO DOS PROJETOS

01. Simulação de um ambiente real de desastre onde o resgate de vítimas é realizado por robôs autônomos, utilizando kit de desenvolvimento baseado em Lego MindStorms

02. Simulação de um ambiente real de desastre onde o resgate de vítimas é realizado por robôs autônomos, utilizando kit de desenvolvimento baseado em Arduíno.

03. Desenvolvimento de um robô de batalha categoria Beetleweight: projeto mecânico e eletrônico

04. Criptografia - Aplicações

05. Sistemas Lineares - Aplicações

06. Produção de MDF a partir de resíduos de natureza celulósica

07. Produção de biodiesel a partir de óleo de fritura

08. O tratamento de água de rio visando a potabilidade

 

Todas essas ações atendem ao objetivo estratégico de aproximar os alunos do ensino médio do SCMB com as instituições de ensino superior, visando prepará-los para o futuro ingresso nas universidades.

 Atualizado em 31 AGO 18.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página